Como as cubas de chão podem deixar seu banheiro + moderno {DECORAÇÃO} por Andréa

A decoração de banheiros mudou: veja como usar as modernas cubas de chão

As tecnologias evoluíram e acabaram transformando a arquitetura e o design de interiores. Ambientes puramente funcionais tornaram-se, na contemporaneidade, espaços atraentes e glamorosos – mais bem integrados à decoração de outros cômodos.

Um exemplo é o banheiro, setor da casa para o qual muitas empresas têm se dedicado na criação e produção de peças utilitárias bonitas e modernas!

Studio Ecoara https://www.vivadecora.com.br/foto/154653/lavabo-em-cimento-queimado-e-cuba-de-piso

Um novo design para banheiros modernos

Com o passar dos anos, arquitetos e designers de interiores deram mais atenção aos banheiros. Seus clientes desejam que esses ambientes não fiquem renegados, mas, sim, que façam parte das propostas de decorações de suas residências.

Nos dias de hoje, esse setor da casa é destinado a higienização do corpo, descarte de resíduos, e também para relaxamento e meditação. Ou seja, ele deve ser valorizado!

Léo Shehtman https://www.vivadecora.com.br/foto/99107/cuba-de-piso-marrom

Revestimentos, móveis, ornamentos e equipamentos de um banheiro moderno são bem atraentes. Outrora, essas peças eram mais simples. Importava apenas se serviam ao seu propósito funcional.

A beleza ficava mesmo em segundo plano. Isso é algo diferente agora. As pessoas querem que vasos sanitários, chuveiros, pias e outros aparelhos também tenham um desenho encantador!

CASA COR 2016 https://www.vivadecora.com.br/foto/104916/cuba-de-piso

Quanto às novas cubas para banheiros

Nas últimas décadas, surgiram muitas e muitas peças diferentes destinadas tão somente para acabamento e ambientação de banheiros.

De todas, talvez aquela que mais se destaca nas lojas seja a cuba. No passado, as pias de banheiros eram simples bacias de louças sobre uma colunas – chamadas de lavatórios. Depois, por necessidade, surgiram as peças de sobrepor e de encaixe para balcões.

Em muitas propostas modernas, trocou-se o modelo de pia de piso por aqueles que podem ser presos diretamente na parede. Essa é uma ótima solução para otimização de espaço.

Um banheiro pequeno, como um lavabo, pode parecer mais espaçoso com a utilização desse tipo de cuba. Ademais, a não necessidade do uso de coluna faz reduzir os gastos com a construção ou reforma do ambiente.

Entende-se, portanto, que, teoricamente, as pias de chão poderiam ser, por completo, descartadas das propostas de arquitetura e design de interiores.

Acontece que essas peças são tão charmosas que nunca deixaram de ser apreciadas pelos consumidores. Atentas a isso, as empresas fabricantes de louças para banheiro resolveram manter em seus catálogos os modelos de cubas de chão.

Cris Paola https://www.vivadecora.com.br/foto/160580/cuba-de-chao-e-papel-de-parede-florido e Andrea Petini https://www.vivadecora.com.br/foto/166717/cuba-de-piso

Cubas de chão

Lavatórios sobre coluna e cubas de chão podem servir para o mesmo propósito, porém possuem designs totalmente diferentes. É visível sua diferença. A pia comum é sempre dividida em duas partes.

A primeira é mais larga, como uma bacia, e  fica obrigatoriamente encostada na parede e apoiada sob uma coluna. Esta peça, por sua vez, é bem mais fina e segue do ralo da pia até o chão.

Existem modelos de lavatórios convencionais ainda sendo vendidos no mercado – todos com visual bem mais clean e moderno do que fora no passado. Agora, as cubas de chão são a nova sensação do momento.

Elas são perfeitas para ambientes onde não há a necessidade de armários, como lavabos. Com elas, os projetistas conseguem um resultado visual bem mais encantador para as decorações de banheiro.

Lanna Gabrielly Souza Torres https://www.vivadecora.com.br/foto/162480/parede-espelhada-e-cuba-de-chao

A maior vantagem das cubas de chão é mesmo a estética. Na prática, essas pias podem apresentar certos problemas para o layout, a otimização e a limpeza do cômodo.

Alguns modelos, por exemplo, deixam um vão atrás, onde podem ficar acumuladas sujeiras difíceis de serem retiradas. E ainda têm as que não contêm qualquer apoio para torneira – sendo que esta precisará ser instalada ou na parede ou no piso do banheiro.

MIS ARQUITETURA E INTERIORES https://www.vivadecora.com.br/foto/127200/cuba-de-chao-marrom

Inserção das cubas de chão em decorações de banheiros

Cubas de chão costumam apresentar um design muito ousado. Elas podem ser feitas de louça, metal ou ainda moldadas em concreto ou esculpidas em pedra.

Lanna Gabrielly Souza Torres https://www.vivadecora.com.br/foto/162482/cuba-esculpida-em-marmore-e-metais-dourados

A cor branca ou colorida e o acabamento brilhoso ou fosco. Quanto ao desenho, mais reto ou arredondado. Base quadrada, facetada ou em forma de cone.  

Há algumas que fazem conjunto com outros equipamentos, como bacias sanitárias e bidês.

Sandra Pompermayer https://www.vivadecora.com.br/foto/145922/lavabo-com-papel-de-parede-marrom-e-cuba-de-piso e Tria Arquitetura https://www.vivadecora.com.br/foto/162456/cuba-de-chao-e-quadros-espelhados

Escolher um modelo ou outro de cuba vai depender de três critérios. O primeiro deles, obviamente, o orçamento disponível. Segundo, a proposta de decoração estabelecida pelo arquiteto ou designer de interiores para o banheiro.

Antônio Ferreira Junior e Mário Celso Bernardes https://www.vivadecora.com.br/foto/90260/cuba-de-piso-preta-e-paredes-vermelha  e Tetriz Arquitetura e Interiores https://www.vivadecora.com.br/foto/174775/cuba-no-barril

E, terceiro, o gosto do dono do imóvel. É importante que a peça em questão combine com o estilo do ambiente – de visual clássico, rústico, industrial, vintage ou outro – e as preferências da pessoa proprietária.

Triplex Arquitetura https://www.vivadecora.com.br/foto/161592/cuba-de-piso e Daniel Kalil https://www.vivadecora.com.br/foto/149392/cuba-de-chao-branca-e-revestimento-com-pastilhas

Está pensando em reformar o banheiro de sua casa? Que tal uma cuba de chão? Acha que ela combinaria com a decoração atual? Use as imagens deste texto como fonte de inspiração e comece a reforma o quanto antes!

Estas dicas de decoração de banheiros com cubas de chão foram criadas pela equipe Viva Decora.

{INSTAGRAM} @almocodesexta

{YOUTUBE} @almocodesexta

Cabeceira de cama de casal: saiba como escolher a melhor opção para seus móveis para o quarto {DECORAÇÃO} por Andréa

O lugar mais pessoal de qualquer casa é, sem dúvida, o quarto. Nesse ambiente dedicamos muito tempo ao lazer e ao descanso, razão pela qual a combinação de elementos de mobiliário é muito importante para alcançar uma harmonia, não é mesmo? Assim, detalhes tão simples como a cabeceira da cama podem desempenhar um papel fundamental no estilo de um quarto.

Além de proporcionar um elevado valor estético, a cabeceira oferece imenso conforto, uma vez que serve de suporte e ponto de segurança para a nossa cama, nos ajudando a ter um melhor descanso. Por este motivo, a cabeceira da cama deve ser escolhida com cuidado. Mas você sabe o que deve levar em conta ao escolher a cabeceira da cama? Aqui, nós damos uma série de dicas que o ajudarão a decidir.


hO que levar em consideração na hora de escolher uma cabeceira de casal

Conforto, beleza, estilo, funcionalidade… Com certeza ao pensar em como escolher a melhor cabeceira para a sua cama de casal, muitos questionamentos acabam surgindo. Para não errar, siga alguns passos básicos que vão deixar a sua decisão muito mais fácil!|

Considere as medições da cabeceira de casal – antes de iniciar sua pesquisa em busca da cabeceira perfeita, você deve se certificar sobre quais são as medidas do quarto de casal, assim como as da cama. Essa será a sua maior referência para saber quanto espaço deve utilizar. Para ambientes pequenos, a melhor opção é optar por projetos discretos, com designs simples e reduzidos – desde que a cabeceira não seja menor que a cama.

Ao levar em conta as medidas da cabeceira que vai adquirir, lembre-se que um modelo de grandes dimensões pode ofuscar ainda mais um quarto que não possui muito espaço físico livre. Por outro lado, uma cabeceira discreta dará uma imagem muito mais harmoniosa para quarto se ele for um ambiente pequeno. Também deve ser levado em conta que, se quiser usar a cabeceira como suporte, é recomendável que ela cubra toda a parte de trás da cama.

A composição da cabeceira da cama de casal – de madeira ou estofada? Basta escolher o estilo que melhor corresponda ao seu gosto! As cabeceiras de madeira dão um toque de modernidade em alguns casos e um toque mais rústico em outros. Elas são facilmente combináveis ​​com a cor da parede, do edredom ou colcha e das cortinas. Além disso, a madeira é um material aconchegante e muito quente, então elas geralmente se encaixam perfeitamente em qualquer quarto de casal.

Já as cabeceiras estofadas podem ser aproveitadas se você fizer um estilo mais descolado que se seja capazes de brincar com a cor do estofamento, da roupa de cama e das almofadas, por exemplo. Essas cabeceiras são especialmente indicadas para quartos modernos e minimalistas.

Você também pode escolher as cabeceiras de ferro forjado, que são muito interessantes esteticamente. Este tipo de cabeceira é ideal para quartos antigos e grandes, já que parecem visualmente muito suaves.

https://a-static.mlcdn.com.br/618×463/cabeceira-casal-dobue-movelaria-copenhague/magazineluiza/217874100/3db491b2f6408cdedd40f3a29741266c.jpg

Defina o papel da cabeceira da cama – ao escolher essa peça, você também deve ter em mente o papel que esse item vai ter no quarto. Se você quer que toda a atenção seja focada nele, escolha um design que se destaque, contrastando materiais, texturas ou cores. Por outro lado, se você preferir algo mais discreto, a melhor opção é que você escolha cabeceiras simples e elegantes.

A cabeceira é uma peça decorativa, mas também funcional. Tenha em mente que ele serve como um isolante e evita o atrito da cama com a parede. No mercado há uma ampla e variada gama de cabeceiras de todos os tipos para se encaixar em estilos e necessidades diversos. Então, encontre aquela que seja ideal para o que você precise e também dê personalidade própria ao ambiente.

Escolha o design e cor da cabeceira – se você gosta da sensação de ler enquanto está na cama, escolha uma cabeceira que ofereça conforto, como cabeceiras fofas. Este tipo de cabeceira permite que o ponto de apoio seja mais confortável e menos firme do que cabeceiras convencionais.

Já se você está procurando um estilo de cabeceira mais sóbrio, opte por uma peça seja da mesma cor ou do mesmo material que foi usado no resto do cômodo. Dessa forma, você conseguirá uma noção de continuidade e equilíbrio na estética do quarto. No entanto, também é possível conseguir um espaço harmonioso, criando uma fusão de texturas e cores.

Por outro lado, cores claras ajudam a criar uma sensação de leveza visual no quarto, por isso é conveniente usar uma cabeceira branca ou de cor clara se quiser ter uma sensação de maior espaço. No entanto, para grandes ambientes, não há problema, pois todos os tipos de possibilidades são adequadas.

Uma cabeceira, como qualquer composição de quarto, certamente será uma peça de mobília que durará anos e com a qual você passará muitas noites por toda a sua vida. Além disso, muitos modelos têm a capacidade de serem comprados em cores diferentes, de modo que você consiga a harmonização perfeita com os outros móveis do quarto, criando um estilo exclusivo e personalizado no seu quarto.

Para a sua decoração de quarto de casal utilizando cabeceira você pode ainda investir em jogos combinados como cabeceira com criado mudo que formem um conjunto, por exemplo. Solte a sua imaginação e crie um ambiente aconchegante e bonito para suas noites de sono!

Como usar porcelanatos em diversos ambientes da casa {ARQUITETURA} por Andréa

Porcelanatos podem deixar sua casa linda!

O porcelanato tem aparência verdadeiramente linda – uma ótima alternativa de revestimento para casa ou apartamento. Sua composição é de materiais nobres.

E isso, no fim, acaba por proporcionar uma aparência lisa, brilhosa e homogênea às peças. Em consequência, seu preço tem de ser cobrado mais caro com em relação a uma cerâmica comum. Mas, isso nunca impediu que o material ficasse popular entre construtores.

Hoje, os porcelanatos são utilizados por engenheiros, arquitetos e designers com o propósito de deixar os ambientes dos imóveis mais sofisticados. Enfim, a seguir, daremos boas razões quanto a como escolher o tipo certo desse revestimento para reforma de imóveis! Confira!

Andrea Teixeira & Fernanda Negrelli 

Quais as vantagens e desvantagens dos porcelanatos

Percorrendo as lojas de materiais de construção é fácil encontrar à venda porcelanatos de tamanhos, cores e texturas diferentes. Tem até aqueles que reproduzem o visual de outros materiais.

De fato, essas peças são bastante versáteis, podendo ser consideradas para cobrir superfícies de áreas internas e externas, secas ou molhadas, tanto faz. Basta escolher o tipo certo e ele, certamente, se adequará bem ao local decorado.

Roberto Migotto ( Viva Decora )

De um modo geral, todos os porcelanatos têm características muito positivas, que são refletidas diretamente no acabamento de edificações. Fora a beleza refinada e elegância, essas peças são bem resistentes, duráveis, fáceis de limpar e de sofrer manutenção.

Elas têm junta e absorção de água quase próximas à zero. Mas, precisam de argamassa e mão-de-obra especial para o assentamento.

Consuelo Jorge 

Apesar de tudo, o porcelanato não é o tipo de revestimento para se usar em qualquer cômodo da casa. Seu acabamento é bastante delicado, havendo grandes chances de ser quebrado, arranhado, lascado e manchado.

Ademais, pode ser escorregadio, causar ruídos altos e deixar os cômodos frios – sendo péssimo para lares com crianças e idosos. E com o tempo, ainda passar a perder gradualmente o brilho.

HELENA KOKI ( Viva Decora )

Resumindo, a decisão por escolher ou não porcelanatos para revestir os ambientes fica por conta e risco do proprietário do imóvel. Claro que a opinião de um profissional especializado da área de construção e reforma, como um arquiteto, deve ajudar muito. Eem alguns casos ser até fundamental para a decisão final da pessoa. Lembrando que, por melhor que seja a fabricação, esse material pode não satisfazer qualquer público.

Actual Design  e Ingrid Rosien Nichols 

Quais as variações de modelos mais comuns desse revestimento

Antes de comprar porcelanatos para revestir a casa, é importante a pessoa tomar conhecimento das variações desse material. Isso porque o modelo de peça escolhido pode tanto valorizar quanto desvalorizar a arquitetura e o design dos ambientes decorados. Dito isso, podem-se destacar quatro tipo principais, natural, rústico, polido e acetinado.

Caroline Zamboni ( Viva Decora )

O porcelanato natural possui uma superfície polida, mas sem brilho, que dá mais certo em varandas ou outras áreas abertas. O rústico é muito mais áspero, com relevos e outras imperfeições, o que evita qualquer escorrega.

Já os polidos parecem esmaltados e só podem ser usados em cômodos internos. E ainda têm os acetinados – que são os mais vendidos -, lisos ao extremo, ótimos para áreas internas ou externas.

Marília Veiga  e Bordin & Soares 

Como escolher o modelo de porcelanato ideal para casa

A primeira coisa que deve ser ressaltado é que todo porcelanato escolhido tem que ser adequadamente bem combinando com o ambiente decorado no qual se destina. Mas, em verdade, é quase impossível deixar feio um espaço revestido neste material.

Só que escolher um modelo ideal é tarefa difícil até para os decoradores – que devem precisam levar em consideração também os gostos das pessoas e a arquitetura local.

Vanja Maia 

Tem porcelanatos que, em relação ao seu custo, estética e durabilidade, não compensam o investimento. Mas, se a pessoa ainda fizer muita questão do material em sua casa, pode exigir peças com detalhes mais específicos. Tipo, para ambientes de áreas abertas, o melhor porcelanato é aquele com design rústico, antiderrapante. Já para áreas internas, como sala e quartos, é sem restrições – afinal a arte de decorar não pode ter limites.

Érica Salguero 

Obviamente, existe uma peça certa de porcelanato para cada ambiente – isso inclui cores, texturas e mais. Mas, somente uma deve atender melhor seu gosto e necessidade.

Reveja as imagens e use como fonte de inspiração para compor os ambientes de seu imóvel.

Estas dicas de decoração com porcelanato foram criadas pela equipe Viva Decora.